Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2017

PINTOU O BAIXO ASTRAL E O DESÂNIMO? O QUE FAZER?

Imagem
Vamos lembrar que você é um ser humano com emoções e sentimentos e é suscetível a altos e baixos e isso natural!

“Anormal” seria estar sempre “para cima” e animado! Vamos pensar criticamente sobre esse mundo onde você precisa estar sempre de alto astral e postar nas redes sociais as fotos mais felizes e radiantes.
Claro que também não estamos falando que você precisa se expor na rede social e falar de suas amarguras, porque talvez não seja o lugar mais adequado e que vai dar o acolhimento adequado. Há espaços terapêuticos para isso. E Claro que quando a tristeza e o desânimo perduram causando sofrimento, é importante procurar um profissional para assimilar o que está acontecendo.

O fato da tristeza não ser bem aceita, ser uma “emoção negativa” pode fazer com que as pessoas se sintam inadequadas por simplesmente estarem tristes e sintam-se excluídas e diferentes.E isso pode levar a uma segregação, uma percepção de não pertencimento desse mundo onde todos estão bem, satisfeitos e felize…

CUIDAR DE SI MESMO NÃO É EGOÍSMO OU VAIDADE. É UM DEVER PARA CONSIGO MESMO.

Imagem
Cuidar de si mesmo não é egoísmo ou vaidade, é um dever para consigo mesmo, para com sua família e a sociedade.
Manter-se saudável, alimentar-se adequadamente, fazer exercícios físicos, ter amigos, manter-se ativo e alegre, faz com que tenhamos mais qualidade de vida e nos tornemos pessoas agradáveis, de bem com a vida e aquela pessoa com quem é agradável conviver.
Aquele que se dedica exclusivamente ao outro, à família, aos filhos, sem cuidados consigo mesmo, acaba doente e dependente, pois “se eu não cuidar de mim, alguém vai terá que cuidar”.
Por isso podemos até dizer que aquele que não se cuida é que é egoísta, pois acabará na dependência de alguém que deverá ser seu cuidador.
Isso não é um determinismo, mas algo em que se pensar. Um pouco de reflexão então.

Sheila Moreno, terapeuta de Cinesiologia Aplicada e Psych-K.